Nota de Esclarecimento da J.Nasser Engenharia


A presente nota vem em tom de esclarecimento aos leitores da matéria “Os sócios do poder”,  constando na edição 2356 da Revista VEJA.

A contratação da empresa JNASSER ENGENHARIA LTDA para a obra de revitalização do Porto de Manaus ocorreu após procedimento administrativo regular , a cargo do DNIT  Brasília, cujo respectivo edital, com as regras inerentes ao certame, ficou à disposição de todas as empresas do país.

Tal licitação foi realizada através do sistema de RDC, Regime Diferenciado de Contratação, no qual cada empresa apresenta o seu projeto sem que haja um pré-projeto por parte do Governo. A contratação em RDC ocorreu por conta da necessidade urgente de revitalização de parte do Porto de Manaus até a Copa do Mundo da FIFA, sendo tal escolha feita pelo DNIT. Por ser humanamente impossível a entrega do projeto completo até a Copa, foi prevista no edital RDC Presencial Nº 232/2013 a entrega por etapas e em prazos pré-definidos.

A J. Nasser Engenharia Ltda. foi a única empresa que apresentou know-how nas áreas civil e naval a fim de preencher os requisitos do edital. Várias empresas impugnaram o edital por não obterem as qualificações necessárias, como é natural em procedimentos de